• Viviane Campos

Um ano de Fuego: a casa que encantou os brasilienses com um dos melhores parrilleros do mundo

Restaurante é considerado um dos melhores da capital, e nesta terça-feira (29), celebra seu primeiro ano de vida com muitas novidades desde a gastronomia, música, cultura e novo empreendimento

Quando os restaurateurs Tiago Boita, Leandro Pompeo (Leleu) e Antônio Carlos de Almeida Castro (Kakay), anunciaram que Pepe Sotello - reconhecido como um dos maiores chefs parrilleros do mundo -, comandaria o Fuego, Alma e Vino, todos os olhares da cena gastronômica se voltaram para a casa especializada em carnes. E não deu outra, o restaurante desde sua inauguração se tornou um dos mais procurados na capital por turistas e amantes da alta gastronomia. Há um ano ocupando a esquina da 112 Sul com uma vista privilegiada para as famosas tesourinhas, a casa já faturou prêmios de Restaurante Revelação e Chef Revelação, para o argentino Pepe Sotelo, ambos pela Revista Encontro Gastrô. "A vinda do Pepe para o Fuego foi um marco para a cena gastronômica de Brasília! Conseguimos construir um restaurante super aconchegante para nossos queridos clientes se sentirem em casa", destaca o sócio da casa, Leleu.




A casa especializada em parrilla traz inspirações de países da América do Sul, com pratos e cortes típicos da Argentina e do Uruguai, além de referências da gastronomia italiana e contemporânea, dispondo de cortes especiais importados diretamente da Argentina (Ojo de Bife, Chorizo e Ancho), e pratos autorais feitos por Pepe, como a Pamplona (típico prato uruguaio), as Empanadas e as linguiças artesanais. "Pepe é um tipo de chef que gosta de dar atenção e cuidar de tudo, desde a escolha dos fornecedores, seleção e compra dos alimentos, processo criativo dos pratos, montagem, finalização e apresentação na mesa do cliente, e todos esses diferenciais contribuíram para esse sucesso", enaltece o sócio, Tiago Boita. A carta de vinhos do Fuego é outro diferencial com mais de 1700 garrafas entre branco, rosé, tinto, espumantes e champanhe, de 11 países diferentes: Brasil, França, Itália, Argentina, Portugal, Chile, Uruguai, Austrália, África do Sul, Estados Unidos e Alemanha. Point para reuniões de negócios O local se tornou um dos mais procurados para encontros de trabalho, sendo um dos preferidos por muitos parlamentares, ministros, embaixadores e empresários, motivo este que o próprio sócio da casa, Kakay, fez o lançamento de seu livro e reuniu grandes nomes da cena jurídica e política do Brasil, em um jantar com diversas autoridades públicas, entre elas os Ministros do Supremo Tribunal Federal Luís Roberto Barroso, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski, o Ministro do Supremo Tribunal de Justiça, Eduardo Villas Boas, o ex-Procurador-Geral da República, Ministro e Presidente do Supremo Tribunal Federal, Sepúlveda Pertence, os Deputados Federais, Orlando Silva, Marcelo Freixo e Rubens Pereira Jr.




Próximos passos: três novidades Para celebrar em alto nível, o Fuego vai presentear seus clientes com uma nova operação dentro do Mané - maior complexo gastronômico do centro-oeste-. Denominado como FÀ, ele será o único a contar com um salão individual com capacidade para 150 pessoas e seguirá o estilo gastronômico com criações autorais passeando pelo contemporâneo, argentino e italiano. O chef Pepe Sotelo é um dos profissionais que também vão estar à frente da nova empreitada prevista para inaugurar em abril.



A casa também incorporou em seu cardápio cinco novos pratos principais, são eles: Fettuccine Mare: Massa fresca artesanal com molho de tomate, polvo e camarões; Camarões no azeite de ervas com risoto de limão; Polvo assado na brasa com batatas assadas, brócolis, molho de azeitonas pretas, bacon e tomate; Salmão assado na brasa com azeite cítrico servido com arroz negro, tomates e brócolis; e o Gnocchi dorati bolonhesa com carnes assadas na parrilla servido com pangrattato. Mas as novidades não param por aí! O Fuego também vai expandir seus horizontes para ajudar a fomentação cultural da cidade, onde vai abrir espaços para contemplar os artistas locais para poderem expor e apresentar seus trabalhos, desde música, lançamentos de livros a exposições artísticas. E nesta terça-feira (29), dá início ao seu projeto, curiosamente no dia em que completa um ano. O convidado para embalar a noite é o músico Alysson Takaki, que vai apresentar um repertório passeando pelo jazz, música internacional pop, clássicos da música internacional e música brasileira.

Fotos: Polvo e Gnocchi - crédito Tico Fonseca Melo

Outras fotos- ODE Studio


Fuego Alma e Vino

Onde: CLS 112, Bl. A, Lj. 03 – Asa Sul Horário de Funcionamento: segunda à sábado, 12h às 23h30; domingo, 12h às 18h Reservas: (61) 3245-8159 Mais informações: @fuego_almaevino