top of page
  • Foto do escritorViviane Campos

Saiba quais países já confirmaram presença na Wine South America 2023, a feira de negócios do mundo

Faltando três meses para a feira, número de países representados já ultrapassa edição de 2022

 

Reforçando sua abrangência global, a Wine South America apresenta novidades no segmento internacional para a edição de 2023, que será realizada em setembro, na Serra Gaúcha. A três meses da feira, rótulos de 15 países estão confirmados para o evento. O número já ultrapassa os 13 países presentes na edição de 2022. Entre as novidades da categoria internacional da Wine South America está a presença de rótulos do Vinhos de Pago – certificação espanhola reservada aos melhores vinhos de pequenas propriedades.


Além da Espanha, países como Argentina, Chile, Itália, França, Portugal, Uruguai, Estados Unidos, África do Sul, Áustria, Nova Zelândia, Moldávia, Grécia, Bulgária e, claro, Brasil, estão confirmados para a edição de 2023. Ao todo, são esperadas mais de 360 marcas nacionais e internacionais na WSA. Negociações avançadas indicam que outros países devem potencializar ainda mais o espaço internacional da WSA. “Faltam cerca de três meses para a realização da WSA, então estamos em processo de finalização de muitos expositores, países e projetos. Essa edição vem ainda mais robusta, internacional e completa, apresentando tendências mundiais do setor e englobando novidades para toda a cadeia vitivinícola”, destaca Marcos Milanez Milaneze, diretor da WSA.


Vale destacar ainda que alguns países participarão da WSA contemplando diferentes regiões produtoras. É o caso do Chile, por exemplo, que vai participar da feira com rótulos de pelos menos quatro regiões: Maipo, Ñuble, O’Higgins e Maule. A Viña Pérez Cruz, vinícola localizada no extremo sul do Vale do Maipo, marcará presença pela terceira vez na feira. A região conta com um dos terroirs mais privilegiados do mundo na produção de Cabernet Sauvignon. “Vamos estar presentes em um estande coletivo das vinícolas do Maipo, mostrando toda nossa diversidade e identidade. Será um prazer receber o público com bons tintos de Cabernet Sauvignon e também com outras variedades”, antecipa Pablo Aguilera Fuentes, gerente de exportação da América do Sul da Viña Perez Cruz.


A WSA é direcionada especialmente a profissionais do segmento, como importadores e exportadores; distribuidores e atacadistas; supermercados e hipermercados; bares, restaurantes, hotéis, padarias e lojas de conveniência; lojas especializadas em artigos de luxo; sommeliers; e varejistas especializados em vinhos e outras bebidas. A 3ª edição da feira, realizada em setembro de 2022, reuniu mais de 7 mil compradores de todas as regiões do Brasil durante os três dias de evento.

 

Vinhos de Pago estreiam na WSA nesta edição


A WSA será palco, pela primeira vez, de expositores com o selo Vinhos de Pago, que é uma certificação da Espanha reservada aos melhores vinhos de pequenas propriedades com histórico de qualidade. Essa denominação é uma forma de valorizar a tradição vitivinícola e promover a qualidade e a diversidade dos vinhos espanhóis. “Estamos muito felizes de participar com todos nossos vinhos da WSA 2023. Para nossos consumidores brasileiros, desejamos uma excelente feira!”, celebra Sandra Luque Muñoz, enóloga da vinícola Soto del Vicario, que conta com o selo Vinhos de Pago.

 

Vinícola italiana Bosca retorna à feira com espaço maior


Além das vinícolas que marcam presença pela primeira vez na feira, a categoria internacional da WSA abrange o retorno de empresas que já participaram de edições passadas. A vinícola italiana Bosca, por exemplo, esteve na WSA em 2022 e volta agora com um espaço ainda maior. "Uma coisa muito interessante que notamos na WSA foram as reuniões de negócios. Elas foram muito eficazes. Conhecemos importadores que até então nunca tínhamos conversado e, a partir da feira, iniciamos uma relação e um contato", relata Antonio Romeo, gerente de exportação da Bosca.


O país será representado ainda por outras marcas esperadas pelo público, como a italiana Tenuta Orsumella. “A Wine South America será uma ocasião muito importante para apresentarmos nossos produtos biológicos para o mercado da América do Sul, que se desenha como sendo muito interessante para novos compradores. Queremos mostrar nossos diferenciais para o mundo todo!”, destaca Emanuelle Menichetti, administrador da vinícola italiana. 

 

“Estar na maior região produtora de vinhos traz um ambiente único para o evento”


A vocação internacional da WSA ganha força também com a presença de grandes importadoras e exportadoras do segmento. O presidente da Associação Brasileira de Importadores e Exportadores de Bebidas e Alimentos (BFBA), Adilson Carvalhal Junior, destaca que a WSA é um fórum muito importante de network e de negócios para o setor vitivinícola. "Estar na maior região produtora de vinhos, onde estão os grandes players da produção de vinhos nacional, traz um ambiente único para o evento", avalia Junior, que também é diretor da Casa Flora Importadora.


O presidente da associação lembra ainda que o momento atual é crucial para a manutenção dos resultados do setor. "O grande desafio agora é reter o novo consumidor que veio durante a pandemia e fazer com que ele tenha o hábito mais constante de consumir vinho. Em um período desafiador como esse, a feira pode ajudar o setor na divulgação e promoção de seus produtos, além de fomentar novas parcerias de negócio", avalia.


A Wine South America conta com o patrocínio da Prefeitura de Bento Gonçalves.

 

Sobre a Wine South America


Com data marcada para 12 a 14 de setembro de 2023, a Wine South America é realizada na Serra Gaúcha, maior região produtora de vinhos e espumantes do Brasil.


A cidade de Bento Gonçalves, sede do evento, é conhecida como a capital brasileira da uva e do vinho e contempla a importante denominação de origem (DO) Vale dos Vinhedos. Recentemente, o município de Pinto Bandeira, que fica a poucos quilômetros de Bento Gonçalves, recebeu a certificação de Denominação de Origem de Espumantes, tornando-se a primeira DO de espumantes do Novo Mundo.


A WSA reunirá em único ambiente empresas nacionais e internacionais, e oferece um amplo espaço para a realização de grandes negócios dentro de toda a cadeia vitivinícola. Importadores, distribuidores, atacadistas, varejistas e profissionais do vinho visitam o evento em busca de novidades. A Wine South America é ideal para estreitar relacionamentos e ver de perto a maior concentração de vinhos da América Latina. Informações e ingressos podem ser acessados no www.winesa.com.br.


Foto: divulgação

Comments


bottom of page