• Viviane Campos

Representando 10,5% da safra gaúcha, Aurora comemora mais uma colheita histórica

Maior vinícola do país colheu 61,9 milhões de quilos naquela que é considerada uma das melhores vindimas das últimas décadas



“Esta é a safra das safras de uva, uma das melhores entre décadas. Tivemos o equilíbrio perfeito entre produtividade e qualidade. O consumidor pode esperar por produtos excelentes, em especial por ótimos vinhos de guarda e espumantes ainda mais elegantes. Teremos grandes produtos e edições históricas de vinhos consagrados”. É o que garante o enólogo-chefe da Vinícola Aurora, Flavio Zilio, que atua há 27 anos na maior cooperativa do segmento no país.



Neste ano, as mais de 1,1 mil famílias associadas à empresa gaúcha colheram 61,9 milhões de quilos de uva para processamento. A vindima foi realizada em 2,8 mil hectares de vinhedos, localizados em 11 municípios da Serra Gaúcha (todos dentro de um raio de 50 quilômetros de Bento Gonçalves). O levantamento foi fechado nesta semana, com a retomada das atividades industriais da cooperativa. O montante representa cerca de 10,5% da projeção total da safra no Rio Grande do Sul, estimada em 592 mil toneladas, segundo a Emater/RS-Ascar.


Na Aurora, a safra 2019/2020 iniciou na última quinzena de dezembro, em Bento Gonçalves, e foi concluída na última semana de março, em Pinto Bandeira. As primeiras variedades colhidas foram a Chardonnay e a Pinot Noir e as mais tardias foram as Cabernets e Moscatos.


“Houve uma retenção menor de água vegetal na fruta devido à seca, o que acabou aumentando o teor de açúcar natural da uva. Foi uma evolução maior do que esperado para o ano. A maturação e a sanidade da uva vão favorecer muito a qualidade dos produtos”, explica Zilio.

Com o volume colhido, aproximadamente 50 milhões de litros de bebidas serão elaborados pela Aurora. Do total, 36 milhões de litros (ou 60%) se transformarão em suco de uva tinto, 5,5 milhões em vinhos finos e outros 3,5 milhões em espumantes.


“Os moscatéis já estão sendo engarrafados e devem chegar em breve aos consumidores. A partir junho, a expectativa é que os brancos sejam colocados nas prateleiras. Já os tintos devem chegar em 2021”, adianta o enólogo-chefe da Aurora.    A safra de uvas na Aurora nos últimos anos:               2014 - 57 milhões de quilos de uva     2015 - 65,5 milhões de quilos de uva                      2016 - 33,6 milhões de quilos de uva                     2017 - 71,5 milhões de quilos de uva                      2018 - 61,8 milhões de quilos de uva                      2019 - 68,2 milhões de quilos de uva                    2020 - 61,9 milhões de quilos de uva           Cidades onde estão os produtores de uva da Aurora*:  - Bento Gonçalves      - Cotiporã       - Farroupilha   - Garibaldi      - Guaporé       - Monte Belo do Sul   - Pinto Bandeira         - Santa Tereza - São Valentim do Sul - Veranópolis  - Vila Flores

* Todas as propriedades ficam dentro de uma raio de 50 quilômetros da unidade industrial da vinícola, o que garante melhor frescor da fruta e evita a fermentação indesejada.

©2019 by Gastronomia BSB. Proudly created with Wix.com