top of page
  • Foto do escritorViviane Campos

Garibaldi Gastrô Aeroclube alçou voo com novo check-in em 2022


Evento estreia com sucesso como experiência única na Serra Gaúcha reunindo famílias, amigos e até pets num ambiente ao ar livre com diversidade gastronômica, espumantes, cerveja e boa música



O Garibaldi Gastrô Aeroclube, realizado no sábado, 30 de outubro, decolou e já projeta novo embarque para 2022. O céu estava lindo. O clima perfeito. Mesas com flores, ombrelones, pufes e almofadas transformaram o jardim do Aeroclube de Garibaldi, que ganhou, ainda, a presença de estações gastronômicas e ilhas de espumantes e cerveja, além do embalo de música ao vivo com artistas locais. Na pista, aviões que subiam e desciam sobrevoando a pequena e charmosa Garibaldi, na Serra Gaúcha, uma aventura a parte para os mais corajosos. Para brindar o evento, que passa a fazer parte do calendário da Capital Brasileira do Espumante, um pôr do sol espetacular que já deixa saudade.



Para curtir cada atração do evento a dica inicial foi se refrescar nas ilhas de espumantes das vinícolas Casa Valduga, Cooperativa Vinícola Garibaldi, Miolo e Salton, além da Cerveja Bella Vista. Aos poucos, as pessoas foram saboreando as delícias feitas pelos chefs regionais Catherine Tedesco, Rodrigo Bellora, Giordano Tarso, Altemir Pessali e Fábio Giovanaz. Um bom começou foi a Estação Marrom que apresentou uma seleção de pães, patês, geleias, fermentados, frutas frescas e frutas desidratadas artesanalmente. Depois, a Estação Verde trouxe novas cores e aromas com salada de folhas, flores, brotos, crocante de castanha e gergelim, molho pesto de talo de cenoura, redução de balsâmico e ceaser defumado, além de gaspacho de frutas vermelhas com palitinho de pepino.

Enquanto o fogo já aquecia a Estação Vermelha, nos preparativos da paella de frutos do mar, linguiça defumada e aioli de alho negro, além de costela angus do dianteiro com polenta de milho crioulo e vinagrete de couve e farofa, na Estação Amarela um mutirão para preparar os sanduíches e o choripan. A dúvida era escolher qual deles: sanduíche de peito curado e defumado com relish de pepino e maionese de repolho, sanduíche de pedreiro com picanha, maionese verde e mini radicci ou o choripan vegetariano com picadilli, creme de queijo e crocante de cebola.

E, claro, que não poderia faltar a sobremesa e o café. Na Estação Violeta o menu ofereceu medovik com recheio de doce de leite e servido com creme azedo, tartelette de chocolate com mini macaron e creppe suzette, laranja confit e sorvete de grappa. Ao lado, o pessoal da William & Sons Coffee Co trouxe os aromas do café para completar a experiência. Foram seis horas com tudo incluído no ingresso, inclusive as atrações artísticas com a Banda Marcial do Aeroclube, que se apresentou na pista, além do saxofonista Zeni Júnior e da Banda DZ9, todos de Garibaldi.

A presidente da Associação Gastrô Serra Gaúcha, Catherine Nicolao Tedesco, ressalta que a cada novo evento o Garibaldi Gastrô prova que o potencial do trabalho coletivo da associação é ilimitado. “O poder que a união de talentos tem de fazer acontecer eventos de forma diferenciada, inusitada, irreverente e inovadora é inquestionável. A autenticidade fala mais alto. Temos uma ‘gana’ de colocar nossos talentos para fora, compartilhando com a comunidade e os turistas. E isso é ir além da gastronomia, trazendo experiências ao público, a partir de produtos turísticos. Foi desafiador, mas o projeto nasceu e o saldo é positivo. Tenho certeza que juntos iremos surpreender muito mais”, comemora.

O patrocínio do evento é da Fruki – Água da Pedra e Cerveja Bellavista, Orquídea, Sicredi, Super Apolo, Tramontina e William & Sons Coffee Co. Apoio: Hotel Casacurta, Prefeitura de Garibaldi, Sebrae, SEGH, Uvibra – Consevitis, Governo do Estado do Rio Grande do Sul, além das vinícolas Garibaldi, Miolo, Valduga e Salton.

Fotos: Dieisson Polis/Vagão Filmes

Comments


bottom of page