top of page
  • Foto do escritorViviane Campos

Cacau amazônico é o astro dos chocolates da The Coffee

Iguaria é cultivada em integração com a floresta, tornando-se uma opção mais ecológica e 100% brasileira para a produção de chocolates



O cacau amazônico, menos famoso do que o baiano, tem ganhado o paladar dos brasileiros. Com um sabor mais cítrico, frutado e com notas de castanha, o fruto chama atenção, para além da qualidade, pela sustentabilidade de sua produção. Ao mesmo tempo que gera renda por meio da agricultura, preserva a floresta e minimiza os danos ao solo e à água.


Cultivado no Pará e no Amazonas, majoritariamente em áreas já degradadas pela pecuária, grande parte das plantações do cacau nativo da Amazônia são mantidas em integração com a floresta, favorecendo a preservação do solo e o desenvolvimento sustentável.


A pureza, as características que promovem a preservação da natureza e a forte identidade nacional do cacau amazônico foram determinantes para que a The Coffee, rede curitibana de cafeterias com inspiração japonesa, escolhesse o insumo para os chocolates que estão no cardápio da casa como opções de acompanhamento para as bebidas quentes e geladas da marca.


“Estávamos em busca de um produto sem adição de gordura hidrogenada, corantes, conservantes e aromas artificiais. Encontramos no chocolate produzido a partir do cacau amazônico o item perfeito para atender à nossa demanda. Além de ser 100% brasileiro e sustentável, o chocolate tem uma qualidade ímpar, que possibilitou a criação de um produto exclusivo, alinhado aos valores e princípios da marca”, afirma Taísa Bueno Costa, nutricionista da The Coffee.


Disponíveis nas versões chocolate ao leite de coco e 70% cacau, os produtos já estão sendo comercializados em todas as lojas da rede no Brasil, nos tamanhos 8g e 40g. Além de ter origem completamente rastreável, a sobremesa da The Coffee possui embalagem 100% reciclável, biodegradável e compostável, reforçando a responsabilidade socioambiental da marca.

“Sabemos que o cacau amazônico ainda é pouco conhecido. Poder apresentar um produto com tanta qualidade num formato que já é quase uma unanimidade entre os consumidores brasileiros é uma oportunidade única”, finaliza Taísa.


A The Coffee


Com origem curitibana, a The Coffee não conhece fronteiras. Sua primeira unidade na capital paranaense – uma portinha num espaço de 5 m² – foi o pontapé inicial para diversos modelos e tamanhos de lojas. Atualmente, a empresa conta com cerca de 200 cafeterias, nacionais e internacionais. Criada pelos irmãos Luis, Carlos e Alexandre Fertonani, a marca trouxe o conceito to go das cafeterias japonesas para o dia a dia brasileiro e hoje está presente, além do Brasil, na Colômbia, Espanha, França e Portugal.


Um dos grandes diferenciais da marca é a qualidade do produto. Isso porque a The Coffee cuida do processo desde a seleção dos grãos junto aos produtores até a entrega final. Para isso, conta com uma equipe especializada que leva em conta somente cafés classificados pela SCAA (Specialty Coffee Association).


A rede também desenvolveu uma linha de produtos exclusivos e minimalistas, que inclui copos térmicos, filtros de papel, tote bags, chaleira e até guarda-chuvas. Os clientes podem comprar os itens em todas as lojas, no aplicativo ou no website (www.thecoffee.jp). Disponível no Google Play e na App Store, o app da The Coffee mostra as cafeterias próximas do cliente, a fila de atendimento e o andamento do pedido.


Foto: divulgação

bottom of page