• Viviane Campos

BRAZIL WINE CHALLENGE Ainda maior


11ª edição chega a 908 amostras batendo novo recorde


A volta ao mundo pelos vinhos e espumantes vai acontecer em Bento Gonçalves, de 7 a 10 de junho. É o 11º Brazil Wine Challenge, promovido pela Associação Brasileira de Enologia (ABE), que chega superando todas as edições anteriores. São 908 amostras de 16 países, um aumento de 17,3% no número de 2020. Único no Brasil com a chancela da Organização Internacional da Vinha e do Vinho (OIV), o concurso reunirá 40 especialistas de oito países (Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Espanha, França, Portugal e Uruguai), em oito júris. As degustações serão realizadas no Centro Empresarial de Bento Gonçalves e a divulgação dos resultados acontecerá no dia 10.

O presidente da ABE, enólogo André Gasperin, está confiante em relação à qualidade das amostras inscritas. “Já podemos comemorar o número de amostras e tenho certeza que a qualidade vai nos surpreender. Esta evolução é nítida a cada edição, apesar do aumento do grau de rigidez do concurso. O Brasil tem se mostrado um excelente mercado para o setor e isso tem se confirmado na aposta de vinícolas e importadoras de todas as partes”, destaca.

Para avaliar as amostras, a ABE montou um júri internacional formado por enólogos, sommeliers e jornalistas especializados. Entre os experts confirmados está o nome de Regina Vanderlinde, brasileira que já presidiu a OIV e hoje ocupa o cargo de vice-presidente da Organização considerada a principal e mais importante entidade do setor no mundo. Os rótulos inscritos estão chegando de todas as partes do mundo. São amostras da África do Sul, Alemanha, Argentina, Austrália, Áustria, Bolívia, Brasil, Chile, Eslováquia, Espanha, França, Grécia, Itália, México, Portugal e Uruguai.

Sempre realizado em anos pares, o evento começou em 2002 e de lá para cá tem sido uma importante ferramenta da ABE na busca da promoção da cultura do vinho independente de sua procedência, mas sempre priorizando a qualidade de cada produto. Evoluindo a cada edição, assim como os melhores vinhos, o Brazil Wine Challenge conquistou seu espaço na agenda da vitivinicultura internacional. Hoje, é a maior janela de vinhos do mundo no Brasil. “Somos jovens no mundo dos vinhos, porém evoluímos como poucos e hoje temos o respeito mundial, seja pela qualidade de nossos produtos, seja pelo potencial de consumo”, ressalta Gasperin.



RETROSPECTIVA BRAZIL WINE CHALLENGE

2002 – 408 amostras de 11 países

2004 – 401 amostras de 11 países

2006 – 420 amostras de 13 países

2008 – 411 amostras de 13 países

2010 – 459 amostras de 15 países

2012 – 503 amostras de 17 países

2014 – 709 amostras de 18 países

2016 – 623 amostras de 17 países

2018 – 611 amostras de 14 países

2020 – 774 amostras de 16 países

2022 – 908 amostras de 16 países

Fotos: Jeferson Soldi (}edição 2020)